O conselheiro federal da OAB, Fabrício Castro, defendeu mais investimentos no primeiro grau de Justiça, ao participar da inauguração da nova sede da subseção de Valença, no Baixo Sul baiano, nesta sexta-feira (15).

“A OAB-BA não se calará e fará a intransigente defesa do primeiro grau, única forma de assegurar uma melhoria efetiva na prestação jurisdicional em nosso estado”, afirmou Fabrício.

Ele também questionou a urgência na sanção da lei que criou, nesta semana, nove vagas para desembargador, ao custo de R$ 5,4 milhões por ano, enquanto o primeiro grau tem déficit de 240 juízes.

Na solenidade, o conselheiro federal destacou ainda o trabalho do presidente da OAB-BA, Luiz Viana, no fortalecimento da advocacia no interior, por meio de reformas e construção de sedes em diversas regiões baianas.

“Esta nova sede será um importante instrumento de defesa da advocacia e da sociedade. Em um período de crise ética, devemos valorizar gestores que cumprem seus compromissos, que honram a palavra, que atuam com eficiência”, assinalou Fabrício Castro.

ASCOM