Após ter deixado o seu futuro na Seleção em aberto, tudo caminha para que Tite continue no comando do time canarinho. A eliminação diante da Bélgica não mudou os planos da CBF de manter o treinador.

A maior parte da comissão técnica da Seleção – indicada por Tite – também quer permanecer. A decisão do treinador ainda não está tomada. Nada será decidido na Rússia. Segundo o GloboEsporte.com, a intenção é que as partes envolvidas só resolvam na volta ao Brasil, após a poeira baixar.

No comando da Seleção, foram 26 jogos, com 20 vitórias, quatro empates e duas derrotas. Com 55 gols marcados e apenas oito sofridos. A possibilidade de poder trabalhar durante todo um ciclo de Copa do Mundo – quatro anos – também é visto como um atrativo pela comissão técnica, que quer ter a oportunidade de ter contato com mais jogadores e construir formas diferentes de jogar. (Bahia Noticias)