Mulher diz que ataque de Manchester deveria ter sido na Bahia: ‘gente nojenta e escurinha’

Internautas denunciaram, na manhã desta terça-feira (23), o perfil de uma mulher, que informa em seu perfil viver em Curitiba (PR), após ela fazer um comentário racista e xenófobo a respeito dos baianos. Em um comentário que causou revolta de muitos usuários, ela diz que o ataque terrorista que matou 22 pessoas e feriu mais 100 em Manchester deveria ter ocorrido na Bahia.

“Só lamento que tenha sido em Manchester e não na Bahia. Seria lindo ver aquele gente nojenta e escurinha da Bahia explodindo. Kkkkkkkkkkkk”, escreveu a mulher. Revoltados, os internautas passaram a compartilharam prints do comentário e da página do Facebook. “A racista [nome] lamenta q um ataque com bomba ñ tenha acontecido na Bahia. Mande um recado pra ela no facebook. Cadeia pra ela!”, escreveu uma internauta no Twitter.

“Triste é constatar que grande número dos ofendidos por [nome] agem como ela nas redes sociais. Um lixo de cidadã!”, respondeu outro. “Alô @policiafederal, dona [nome] se enquadra no artigo 20 da lei 7.716/1989. preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”, marcou outro indignado. (Correio)

Torre Eiffel é o local histórico mais fotografado

A Torre Eiffel foi eleita o local histórico mais fotografado do mundo por uma pesquisa realizada pela Sony Mobile. O levantamento “New Perspectives” (“Novas Perspectivas”) também revelou que mais da metade das fotos tiradas nesses lugares se limita a poucos ângulos.

No que diz respeito à Itália, aparecem no ranking a Basílica de São Pedro (sétimo lugar), o Coliseu (10º) e a Fontana di Trevi (25º). Já o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, ficou em 16º lugar. Ainda segundo o estudo, 55% dos turistas afirmaram que a escolha dos itinerários de viagem se deve à oportunidade de tirar fotos.

Ao mesmo tempo, 47% dos entrevistados disseram estar cansados de ver fotos em apenas três ângulos diferentes. “Essa pesquisa nos deu a real medida do quanto a fotografia é um elemento imprescindível nas férias e do quanto é forte a ligação entre as duas”, afirmou o gerente de vendas da Sony Mobile, Stelios Charalampakis.

Confira os 30 locais históricos mais fotografados, segundo a pesquisa: (mais…)

Explosão após show de Ariana Grande deixa 19 mortos em Manchester

Uma explosão após show da cantora pop Ariana Grande em Manchester nesta segunda-feira (22) deixou 19 mortos e 50 feridos. A polícia investiga a ação como um ataque terrorista, embora ainda não haja confirmação oficial.

Segundo testemunhas, os dois estrondos foram ouvidos às 22h35 (18h35 em Brasília) quando a estrela terminava sua apresentação na Manchester Arena para 20 mil espectadores, em sua maioria crianças e adolescentes.

Ainda não há informações sobre quem seriam as vítimas, assim como o paradeiro da cantora. O Universal Media Group, dono da gravadora de Ariana Grande, disse que está “profundamente entristecido” com a tragédia.

Embora a polícia esteja tratando a ação como terrorismo, ainda não se sabe o que provocou a explosão ou possíveis autores. A rede de TV CNN afirma que os investigadores avaliam a possibilidade de ter sido um homem-bomba.(Folhapress)

Coreia do Norte faz novo teste com míssil

A Coreia do Norte fez, neste domingo (21), mais um teste com míssil, lançado no Sul do país, que percorreu cerca de 500 quilômetros.

O teste ocorreu às 16h59 (horário local, 4h59 de Brasília) e o projétil voou cerca de 500 quilômetros para o Leste, por isso teria caído no Mar do Japão.

De acordo com a Agência Brasil, o lançamento foi feito uma semana depois de ter disparado outro projétil balístico de médio alcance, que contribuiu para aumentar a tensão na península. (Bahia.ba)

Ameaça de bomba atrasa sessão de filme em Cannes

Uma ameaça de bomba levou o Festival de Cannes a suspender a sessão para a imprensa de “Redoubtable”, de Michel Hazanavicius, na tarde deste sábado (20). O prédio do Palais du Festival, onde ocorrem as sessões, teve de ser evacuado. Cachorros faziam revista no local para checar a ameaça de bomba. Depois de cerca de 20 minutos de buscas, a fila para assistir ao filme já se formava novamente. (Folha de São Paulo)

Trump desembarca na Arábia Saudita e encontrará 50 líderes muçulmanos

O presidente americano Donald Trump desembarcou neste sábado (20), na Arábia Saudita, primeira etapa de sua primeira viagem ao exterior desde que assumiu o poder em janeiro. O avião Air Force One pousou pouco depois das 10h (4h de Brasília) no aeroporto internacional Rei Khaled de Riad. O rei Salman da Arábia Saudita apertou a mão de Trump e de sua esposa, a primeira-dama Melania. O rei saudita, que caminhava com o apoio de uma bengala, acompanhou o casal presidencial até o salão de honra do aeroporto, onde sentou-se com Trump a sua direita e Melania a sua esquerda.

Ivanka, a filha mais velha de Trump, e seu marido Jared Kushner integram a delegação oficial americana. Donald Trump se reunirá este sábado com autoridades sauditas e no domingo pronunciará um discurso sobre o islã diante de quase 50 governantes árabe-muçulmanos. A visita a Riad é a primeira escala de uma viagem que também levará Trump a Jerusalém, Belém, Roma, Bruxelas e Sicília.

Na visita, Melania Trump dispensou o uso de véu, algo exigido para as mulheres locais. Estrangeiras não são obrigadas a cobrir a cabeça na Arábia Saudita, mas Trump criticou a então primeira-dama Michelle Obama quando ela manteve os cabelos à mostra em uma viagem ao país junto com Barack Obama em 2015. “Muitas pessoas estão dizendo que foi maravilhoso que a sra. Obama se recusou a usar um véu na Arábia Saudita, mas eles foram insultados. Nós temos inimigos o suficiente”, tuitou Trump em 2015. (Folha de São Paulo)

CUIDADO: Novo ataque em rede de computadores pode estar a caminho

IMAGINE uma grande rede de computadores controlados por um pelotão de criminosos. Esse exército de computadores, conhecido como botnet (do inglês robot network, ou rede de robôs), dispara uma rajada de códigos maliciosos contra um país. Em questão de minutos, sites de instituições financeiras, militares e comerciais saem do ar. Caixas eletrônicos e redes telefônicas param de funcionar. Aviões não podem decolar e computadores e sistemas de segurança em usinas nucleares são afetados. Como as pessoas reagiriam? O que elas fariam? O que você faria?

Pois é, um novo ataque cibernético, ainda maior que o da última sexta-feira (12) — responsável por afetar 125 mil computadores em mais de 100 países —, pode estar a caminho. É o que especialistas em segurança da informação acreditam.

O novo atentado é esperado nesse mês de maio (15), cujo alerta partiu do pesquisador britânico MalwareTech, que ajudou a impedir a propagação do vírus que chantageia usuários.

Já o chefe do serviço de polícia europeu, Rob Wainwright, afirmou que a “ameaça de ataques é crescente” e pediu que as pessoas mantenham seus sistemas operacionais atualizados. “Os usuários podem se proteger evitando abrir e-mails suspeitos, fazendo cópias de segurança dos seus arquivos e utilizando antivírus”, disse. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Fonte: Agência Brasil)

Ciberataques em larga escala atingem pelo menos 74 países

Empresas e usuários de internet são alvos de uma série de ciberataques em “larga escala” nesta sexta-feira (12), em pelo menos 74 países, de acordo com a empresa de segurança russa Kaspersky Lab.

São afetados sistemas de informação, computadores e telefonia. Entre os alvos, estão hospitais públicos na Inglaterra, que precisaram cancelar atendimentos e redirecionar ambulâncias.

Os ataques utilizam vírus de resgate (ou “ransomware”), que inutilizam o sistema ou seus dados, até que seja paga uma quantia em dinheiro.

No Brasil, sites do governo de São Paulo, do Ministério Público e do Tribunal de Justiça saíram do ar, segundo o G1. Os órgãos informaram que a medida foi adotada por precaução. (Bahia.ba)

Homem atira ácido à própria filha que o denunciou por crimes de sexo

Khushboo Devi, de 20 anos, foi atingida com ácido no rosto pelo próprio pai, que decidiu castigá-la por esta ter denunciado que o progenitor andava a vender mulheres para sexo. Khushboo Devi estava a dormir na sua casa em Uttar Pradesh, Índia, quando o pai lhe tocou à campainha. Quando abriu a porta, o homem atirou-lhe ácido para o rosto deixando-a com marcas para a vida.

O marido e a filha também acabaram por ser atingidos e os três foram internados com queimaduras no rosto, ombros, braços e mãos. A mulher quer agora garantir que o pai é castigado por todos os seus crimes. “O meu pai atirou-me ácido porque sabe que sei tudo sobre ele. Ele sabe que será preso para a vida se eu revelar todos os seus segredos, o número de casamentos que tem, a compra e venda de raparigas”, afirma a mulher, citada pelo Daily Mail.

Khushboo conta, ainda, que a sua mãe “viveu uma vida difícil ao lado do seu pai e que toda a sua vida assistiu ao pai a trocar de mulheres”. Manik Chandra foi detido no dia do ataque. A mulher teme que este consiga sair em liberdade sob o pagamento de uma fiança, mas diz que tudo fará para que este não seja libertado e pague pelos seus erros. “Vou garantir que ele nunca mais sairá da prisão. Receio que ele mande alguém matar-me mas lutarei até ao meu último suspiro”, garante. (Noticias ao Minuto)

Após megaciberataque, criminosos receberam R$ 18 mil em resgates

Os responsáveis pelo megaciberataque que derrubou sistemas de comunicação de diversos países nesta sexta-feira (12) receberam aproximadamente R$ 18 mil em pagamentos de resgate.

O valor foi divulgado pela Folha de S. Paulo, que conferiu os valores de transações recebidas nas carteiras de bitcoin listadas pelos criminosos no software WannaCrypt0r para receber os pagamentos. Até às 17h de hoje, as contas haviam recebido 17 transações, que totalizavam aproximadamente 3,45 bitcoins.

O bitcoin é uma moeda virtual, que pode ser comprada com dólares. Atualmente, segundo a empresa de câmbio itBit, um Bitcoin está cotado em aproximadamente U$ 1.700 (R$ 5.300). (Bahia.ba)

Alpinista de 86 anos morre ao tentar bater recorde no Monte Everest

Um nepalês de 86 anos morreu neste sábado (6) ao tentar se tornar o homem mais velho a escalar o Monte Everest. O Monte Everest é a montanha mais alta da Terra. Seu pico está a 8.848 metros acima do nível do mar. O monte está localizado na cordilheira Mahalangur Himal, no Nepal.

Min Bahadur Sherchan estava a caminho da cúpula do Everest a 8.850 metros para bater o recorde de escalador mais antigo, conquistado até então pelo japonês Yuichiro Miura, de 80 anos, que subiu em 2013. De acordo com o Ministério do Turismo do Nepal, Sherchan morreu devido a um ataque do coração.

Em março, Sherchan, afirmou que queria escalar o Everest para estabelecer um recorde e inspirar as pessoas a sonharem alto. “vai dar orgulho a pessoas velhas como eu”, declarou. Essa é a segunda morte da temporada atual de subida ao Everest, entre abril e maio. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Fonte: Metro1)

Com 65% dos votos, Macron é eleito presidente da França

O candidato Emannuel Macron foi eleito presidente da França neste domingo (7) com 65% dos votos. O centrista concorria diretamente com a rival nacionalista Marie Le Pan. As urnas foram abertas às 20h do horário francês, 15h no horário de Brasília. O presidente eleito representa o movimento independente Em Frente! e governará pelos próximos cinco anos a sétima maior economia do mundo. (Bahia.ba)

Marcha reúne milhares de defensores do uso medicinal da maconha

Em manifestação na principal avenida de Montevidéu, capital do Uruguai, milhares de pessoas participaram na manhã deste sábado (6) da Marcha da Maconha 2017. Como bandeira principal, o pedido de mudanças na legislação do país, em especial, o avanço no uso da planta em âmbito medicinal.

Ao longo do percurso entre a Praça da Liberdade de Montevidéu e a Torre Executiva – sede da presidência – os ativistas empunhavam cartazes de protesto e entoavam palavras de ordem alusivas ao movimento. Ao final da caminhada, foi lido um manifesto em que é exigida “maior vontade política para habilitar possíveis vias de acesso à maconha medicinal como espécie vegetal ou complemento alimentar”.

Em 2013, ainda no governo do presidente José Mujica, foi aprovada a lei de distribuição e produção de maconha que estabelece três modos de acesso à substância: a compra em farmácias, o autocultivo e os clubes de consumo para usuários. Mas a aquisição à forma medicinal da erva continua sob restrição.

A Marcha da Maconha no Uruguai pede que o Ministério de Saúde “destrave” o caminho para uma produção nacional de cannabis com fins medicinais. (mais…)

França proíbe modelos de serem muito magras

A França adotou uma lei que proíbe empregar modelos com peso demasiado baixo, informa a BBC. As mulheres deverão apresentar atestados médicos para confirmar que o índice de massa corporal é normal.

Segundo a ministra da Saúde francesa Marisol Touraine, a lei visa combater transtornos alimentares que desenvolvem as mulheres para alcançar a imagem ideal inatingível de beleza.

Além disso, desde 1 de outubro, todas as fotografias editadas de modelos publicadas na mídia serão marcadas com a inscrição “foto retocada”. Os empregadores que violarem a lei vão pagar uma multa de até 75 mil euros (cerca de 262 mil reais) ou prisão de até meio ano.  (Sputnik)

Avião cai e explode em avenida movimentada nos Estados Unidos; Assista

Uma aeronave de pequeno porte perdeu o controle e caiu em meio ao movimentado trânsito em uma avenida na cidade de Mukilteo, nos Estados Unidos. O acidente acontece nesta terça-feira (02) e segundo as autoridades ninguém se feriu com gravidade, apesar de vários veículos terem sido danificados.

Antes da queda, o avião colidiu com fios elétricos e logo após entrou em chamas. O vídeo publicado por um morador local mostra imagens impressionantes da explosão e da queda. Ainda segundo as autoridades, o avião caiu logo após ter decolado do Aeroporto de Seattle. Veja o vídeo acima ! (Noticias ao Minuto)

Doença misteriosa na Libéria deixa 9 mortos e autoridades em alerta

Uma doença desconhecida tem causado alerta na cidade de Greenville, na Libéria, após nove pessoas morrerem em um hospital. A Organização Mundial da Saúde (OMS) informou que, desde a última segunda-feira (24), 17 pessoas tiveram os sintomas da doença ainda não identificada.

Febre, dor de cabeça, vômito e diarreia foram apresentados nas vítimas. Exames realizados em sete pessoas que morreram deram negativos para o vírus da ebola, doença que causou um surto na Libéria em anos anteriores.

Segundo informações do G1, autoridades de saúde do país afetado estão trabalhando para investigar a origem do problema. Há a hipótese de que as pessoas possam ter adquirido a doença durante um funeral de um líder religioso, considerando o consumo dos mesmos alimentos e bebidas, ou uma exposição à bactéria, ou agentes químicos. (Bahia Noticias)

Voltar à página inicial