web analytics

Falta de chuva causa redução na produção do cacau na Bahia

Na última semana as entradas de cacau de todas as regiões produtoras diminuíram. Segundo dados da TH Consultoria, a safra principal da Bahia sofreu perdas em várias regiões devido ao clima desfavorável, mas outras partes reportam que as colheitas aumentarão nas próximas semanas.

“As últimas previsões foram reduzidas  entre 1,0 e 1,2 milhão de sacas, mas estão sujeitas a novas revisões para baixo dependendo do retorno das chuvas. Informações recebidas do Pará indicam que as plantações de cacau naquele estado também começaram a sofrer com a falta de chuva”, diz o relatório.

Entre os dias 02/11 a 08/11 os recebimentos de cacau em amêndoas da Bahia, somaram 33.387 sacos (60 Kg), e os demais estados juntos chegaram a 16.801 sacos. A arroba do cacau em Ilhéus e Itabuna, na última sexta-feira (13/11), foi cotada em R$ 146 reais. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações Mercado do Cacau) (mais…)

Preço do gás na Bahia fica mais caro a partir desta quarta, 4/11

Os consumidores serão pegos de surpresa quando forem comprar seu botijão de gás na Bahia a partir desta quarta-feira (4/11). Segundo Edgar Moura, presidente do Sindicato dos Revendedores de Gás, o produto ficará mais caro e o valor adicional será de R$ 2.

O preço foi fixado após o  reajuste da base de dados chamada de Pauta Fiscal, apresentada pela secretaria da Fazenda às empresas revendedoras. “Esse valor implica nas empresas que acaba respingando no bolso do consumidor”, afirmou.

No estado este é o segundo ajuste neste ano. No fim de agosto, o valor do gás foi reajustado em 15%. O reajuste foi aplicado após o dissídio coletivo dos trabalhadores do setor. Em Santo Antônio de Jesus o valor do botijão de 13 kg, que ficava em torno dos R$ 5o reais, com o novo aumento, chegará a custar R$ 55 reais ou mais. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: Bocão News)

Colheitas do cacau na safra principal começam em ritmo lento

O Vale do Jiquiriçá e o Recôncavo baiano concentram uma grande quantidade de agricultores que trabalham com a cultura do cacau. A Bahia, no entanto, vem se destacando na produção do produto. Segundo dados da TH Consultoria, de 05 a 11 de outubro, o estado da Bahia deu entrada em 51.856 sacos (60 kg), e os demais estados produtores do fruto, entregaram 31.157 sacos de cacau em amêndoas.

“Uma parte substancial do cacau recebido ainda é proveniente do Temporão, sendo evacuado gradualmente dos estoques dos comerciantes intermediários”, diz a análise.

Ainda conforme dados de análise de mercado, realizado pela TH Consultoria, os preços do cacau na Bahia estão estáveis. “Depois de abrir o período cotado de R$133,00 a 144,00/arroba na quarta-feira da semana passada (07/10), o valor recuou para a faixa de R$130,00 a 137,50 na sexta-feira (09/10) e se recuperou parcialmente, fechando nesta terça-feira (13/10) na faixa de R$133,00 a R$140,00, o equivalente a dois mil dólares a tonelada. (Redação: Tribuna do Recôncavo | Informações: Mercado do cacau)

Gás de cozinha sobe de preço a partir desta terça, diz Petrobras

A Petrobras informou que vai aumentar em 15% o preço do gás de cozinha a partir desta terça-feira (01/09). Segundo a Petrobras, este é o primeiro aumento do preço do gás desde dezembro de 2002.

O Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Gás Liquefeito de Petróleo já havia informado que haveria o aumento, sem sinalizar de quanto seria.

O presidente do sindicato das revendedoras, Robson Carneiro dos Santos, disse que o reajuste será repassado ao consumidor. “Não tem como segurar o preço final por muito tempo porque os nossos custos também subiram muito”, afirmou, em nota. (Editado por Tribuna do Recôncavo | Informações: Blog do Valente).

Receita Federal abre consulta ao terceiro lote de restituições

A consulta ao terceiro lote de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física 2015 será liberada nesta segunda-feira, 10, às 9h. O lote inclui 1.742.112 contribuintes, totalizando mais de R$ 2,1 bilhões. Foram também liberadas declarações que estavam na malha fina dos exercícios de 2008 a 2014. O crédito bancário estará disponível no dia 17 deste mês.

O contribuinte deve acessar a página da Receita na Internet, ou ligar para o Receitafone (146), para verificar se foi incluído no lote. A Receita disponibiliza ainda aplicativo para tablets e smartphones que permite a consulta às declarações do Imposto de Renda Pessoa Física para os sistemas Android e iOS.

Os contribuintes que não são listados nos lotes de restituição devem verificar o extrato da declaração para ver se não há pendência ou inconsistências no documento enviado à Receita e fazer a correção para evitar cair na malha fina. O procedimento pode ser feito no Centro Virtual de Atendimento da Receita Federal (e-CAQ). Se não for cadastrado, é só informar os números dos recibos de entrega das declarações dos exercícios referentes às declarações ativas das quais o contribuinte seja titular. (mais…)

Aprovada aposentadoria compulsória aos 75 anos para servidores públicos

O plenário do Senado aprovou no dia 30/06 o projeto de lei que estende para todos os servidores públicos os efeitos da chamada PEC da Bengala, a emenda constitucional que determinou a aposentadoria compulsória de ministros de tribunais superiores aos 75 anos.

Pelo texto aprovado, os funcionários públicos também passarão a se aposentar compulsoriamente cinco anos mais tarde – atualmente a aposentadoria deles é, no máximo, aos 70 anos. A lei, que ainda precisa passar pela Câmara dos Deputados, será aplicada aos servidores dos Três Poderes, dos estados, dos municípios e do Distrito Federal.

Autor da matéria, o senador e economista José Serra (PSDB-SP) disse que a mudança no tempo da aposentadoria compulsória trará economia para o governo. “As nossas estimativas mostram que o governo, nas três esferas, como um todo, vai economizar mais de R$1 bilhão por ano”.

O texto recebeu uma emenda para que os efeitos da lei sejam também aplicados aos membros da Defensoria Pública, que têm carreira independente. A matéria segue agora para análise da Câmara dos Deputados. (Tribuna do Recôncavo, com informações da agenciabrasil).

Consumidores lotam comércio de Santo Antônio de Jesus durante o São João

Consumidores de várias cidades da Bahia lotaram o comercio de Santo Antônio de Jesus, nestas segunda e terça (22 e 23). Com preços promocionais, as lojas que comercializam roupas e calçados que são tradicionais no mês junino, foram os estabelecimentos mais procurados.

A expectativa, de acordo com o presidente do Sindicato Patronal de Santo Antônio de Jesus, Vicente Neiva, é que as vendas registrem um aumento de aproximadamente 5% em comparação a junho de 2014. Dentre os produtos mais vendidos, estão: tecidos xadrez, botas, assessórios em couro, roupas e  chapéu de palha. Este último, muito vendido para turistas nas lojas do centro da cidade.

Aproveitando o grande movimento, lojas de outros segmentos – operadoras de telefonia, eletrodomésticos e até instrumentos musicais –  também tentam conquistar os clientes com liquidações relâmpagos. Para a turista argentina Cristine Vilaz, a variedade do comércio local deixa o consumidor satisfeito. “Entramos nas lojas e elas vendem de tudo, isso é muito bom, a gente não precisa caminhar muito”, disse Vilaz.

Os hotéis, restaurantes e supermercados também estão registrando um fluxo intenso de visitantes que estão na cidade para curtir a festa junina e aproveitam para se alimentar e fazer compras na cidade. (Editado por Tribuna do Recôncavo, com informações do Espaço Empresarial)

Pode faltar milho em Santo Antônio de Jesus no São João 2015

Se aproximando o São João, aumenta a procura por produtos agrícolas usados na preparação das COMIDAS TÍPICAS DA FESTA JUNINA. Na feira livre de Santo Antônio de Jesus esse grande movimento já é observado desde o início do mês, sendo que nesse ano de 2015 o consumidor poderá pagar mais caro por alguns produtos.

Usado para preparar a tão famosa canjica, o milho está mais caro, podendo faltar no São João 2015. De acordo com o vendedor João Sampaio, o excesso de sol e a falta de chuva no inicio do ano impactaram na produção. “O milho que eu trabalho é o 10/51, aquele milho maior que o pessoal vende cozido que a gente não tá encontrando. O sol maltratou demais, a pessoa que plantava 20 tarefas, só deu duas tarefas”, disse.

O milho verde, comercializado cozido de janeiro a janeiro nas ruas de Santo Antônio de Jesus, vem de Barreiras e Juazeiro e custa R$ 70,00 o cento para a compra, já o milho plantado no Vale do Jiquiriça e Recôncavo Baiano, o cento está sendo vendido por aproximadamente R$ 50 reais, preço para o consumidor final. A dúzia do milho está custando em média R$ 5 reais.

amendoein

Fotos: Hélio Alves/Tribuna do Recôncavo

Quanto ao amendoim, o litro está custando de R$ 2 a 3 reais e até o presente momento a procura está maior do que a oferta, podendo faltar na mesa dos baianos.

feijao

João – agricultor e feirante

O agricultor João, morador da Comunidade Rural do Camaçari em Santo Antônio de Jesus vende feijão de corda no atacado. Segundo ele o saco de feijão custava R$ 40,00, mas baixou para R$30,00. O litro de feijão macassa está sendo comercializado por R$5,00. “Gosto de trabalhar com esse feijão porque eu colho o tempo todo, depois de 5 safras corto o pé e planto de novo”.

valdemar

Valdemar – agricultor

A laranja, colhida em grande quantidade na região, também pode ter seu preço reajustado. Uma praga que tem afetado os laranjais tem causado prejuízos aos agricultores no interior da Bahia. O senhor Valdemar Correia, morador da localidade da Cana Brava em Varzedo perdeu uma plantação inteira. “O laranjal não flora, não carrega, a fruta fica preta igual um pó de café e atinge a charca toda. O jeito foi derrubar”, disse Valdemar. (Hélio Alves/Tribuna do Recôncavo)

Nordestinos vão gastar mais que a média do país nas festas de São João

O Nordeste vai ser o carro-chefe do consumo relacionado às Festas Juninas deste ano. Uma pesquisa nacional realizada pelo Serviço Central de Proteção ao Crédito mostrou que 65% dos consumidores do Nordeste planejam realizar gastos para comemorar essas festas. O percentual dos nordestinos é o mais alto entre as cinco regiões pesquisadas.

O levantamento revelou que os gastos que o consumidor da região Nordeste pretende fazer para a data são 45% superiores aos da média da pesquisa: os nordestinos planejam gastar, em média, R$ 303,76 com as comemorações, em comparação à média geral de R$ 209,19, considerando todas as regiões do País.

Em relação à forma de pagamento das despesas com as Festas Juninas, a pesquisa mostrou que 67% dos consumidores do Nordeste pagarão à vista, abaixo da média nacional de 78%. 40% dos nordestinos entrevistados afirmam que pretendem pagar as despesas juninas parceladas em três vezes. (Postado por Tribuna do Recôncavo, com informações do bocaonews)

Novas regras da Caixa para compra de imóveis começam a valer nesta segunda

Começam a valer nesta segunda-feira (4) as novas regras para financiar a casa própria pela Caixa Econômica Federal. Em geral, tornou-se mais difícil financiar o imóvel e especialistas já têm apontado o consórcio como uma opção.

Três medidas da Caixa causam impacto direto na decisão de quem pretende tomar crédito. A primeira delas é o limite de financiamento de imóveis novos, que passou a ser de 90% do total do valor. Além disso, para usados, o teto passou a ser de 50% do total do imóvel, dentro do Sistema Financeiro da Habitação (SFH), ou seja, imóveis que valem até R$ 750 mil nos Estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e no Distrito Federal. Nos demais Estados, o valor máximo é de R$ 650 mil.

A terceira medida engloba imóveis mais caros. Para usados acima de R$ 750 mil, enquadrados no Sistema Financeiro Imobiliário (SFI), o limite de financiamento passa a ser de 40% do valor total do imóvel. (blogdovalente, com informações do estadão)

Petrobras teve prejuízo de R$ 21,6 bilhões em 2014

A Petrobras divulgou na noite desta quinta-feira (22), o balanço financeiro de 2014, cujos números mostram que a companhia petroleira teve um prejuízo líquido de R$ 21,6 bilhões. O escândalo de corrupção na Petrobras, deflagrado pela Operação Lava Jato da Polícia Federal fez com que a apresentação das demonstrações contábeis do 3º trimestre de 2014 fosse adiada.

Segundo o novo presidente, Aldemir Bendine, a Petrobras não vai parar. “Ela não vai entrar em marcha-ré. Divulgamos com clareza os números da companhia. Posteriormente, divulgaremos o novo plano estratégico”, ressaltou, sem dar uma data para essa nova divulgação. (Redação/tribunadoreconcavo, com informações do g1) (mais…)

Governo propõe salário mínimo de R$ 854 em 2016

O governo federal propôs que o salário mínimo, que serve de referência para mais de 46 milhões de pessoas no Brasil, suba dos atuais R$ 788 para R$ 854 a partir de janeiro de 2016, com pagamento em fevereiro do próximo ano. O percentual de correção do salário mínimo, pela proposta, será de 8,37% no próximo ano.

Levando em conta que o salário mínimo deve ser suficiente para suprir as despesas de um trabalhador e sua família com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência, para a manutenção de uma família de quatro pessoas o salário mínimo deveria ser de aproximadamente R$ 3.000,00,  4,04 vezes mais do que o valor atual de R$ 788,00. (Redação/tribunadoreconcavo/g1)

FMI prevê queda de 1% no PIB, mas aposta em recuperação em 2016

O Fundo Monetário Internacional (FMI) avaliou como positiva a implementação de medidas de austeridade anunciadas pelo governo brasileiro e apostou que as ações devem ajudar a recuperar a confiança e impulsionar o crescimento.

O relatório da entidade foi divulgado nesta sexta-feira (10). No documento, o FMI estima queda de 1% do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro neste ano, em decorrência das políticas fiscais e monetárias mais restritas e os cortes da Petrobras. A instituição, no entanto, acredita que o ajuste fiscal pode atrair investimentos no final de 2015, o que estimulará o crescimento da economia já em 2015. (bahianoticias)

Valor da cesta básica sobe em 13 das 18 capitais pesquisadas pelo Dieese

As maiores elevações da cesta básica ocorreram em Manaus, Fortaleza, Aracaju e Vitória.  As retrações mais fortes foram registradas em Salvador, Brasília, Goiânia, Florianópolis e Natal.

Produtos como pão francês, café em pó, óleo de soja, banana e tomate tiveram alta na maioria das capitais. O preço do pãozinho subiu em 16 capitais, ficou estável em Manaus e teve queda de 1,29% em Fortaleza. Em contrapartida, o arroz e a batata tiveram retração de preço na maioria das capitais.

Com base na Constituição, segundo a qual o salário mínimo deve suprir despesas com alimentação, moradia, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e Previdência, o Dieese calcula que o mínimo ideal, em março, deveria ser R$ 3.186,92. (Redação/Tribuna, com informações da UOU)

IBGE aponta queda de 12,4% no ritmo da produção industrial na Bahia

Na comparação de janeiro de 2015 com o mesmo mês do ano anterior, a produção física da indústria de transformação baiana apresentou queda de 12,4%, segunda maior entre os quatorze estados, em seguida ao Amazonas (-13,0%).
O resultado deste ano significa declínio em relação à registrada em dezembro de 2014 (-3,1%).Assim, a Bahia inicia o ano no 8º lugar do ranking dos quatorze estados que participam da Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física Regional (PIMPF-R), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Apenas dois apresentaram desempenho positivo: Mato Grosso (3,3%) e Goiás (1,8%). (Agência Brasil)

Registro do CPF na nota fiscal passa a ser obrigatório em compras acima de R$ 600

A Secretaria da Fazenda da Bahia (Sefaz-BA) tornou obrigatório o registro do Cadastro de Pessoa Física (CPF) na nota fiscal em compras acima de R$ 600. A medida é válida para todas as redes baianas que vendem simultaneamente por atacado e varejo.

A obrigatoriedade, em acordo com associações e sindicatos do setor, visa evitar a concorrência desleal e aumentar o combate à sonegação. Registro do CPF na nota fiscal passa a ser obrigatório em compras acima de R$ 600. (Atarde)

Voltar à página inicial