Uma rachadura que surgiu na BR-101, na ponte próxima à barragem Pedra do Cavalo, que fica sobre o Rio Paraguaçu, no município de Cachoeira, no Recôncavo Baiano, preocupa motoristas que passam pela região. Ainda não há detalhes de quando a rachadura ficou mais visível na rodovia. Entretanto, a superintendência do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), na Bahia, informou que equipes do órgão já foram encaminhadas ao local.

Conforme avaliação do engenheiro responsável pela rodovia, não há nenhum problema com a estrutura da ponte. O Dnit esclareceu ainda que a rachadura se chama de “fissura” e é algo normal na rodovia. Segundo o engenheiro, a fissura acontece naturalmente, devido ao movimento de carros. Apesar do surgimento das rachaduras, isso não representa nenhum dano ou risco.

O departamento esclareceu ainda que todas as vezes em que há recapeamento, as fissuras desaparecem e surgem depois. A ponte da Pedra do Cavalo foi construída no final dos anos 1970, tem ainda um tempo de vida que deve passar dos 70 anos, sem nenhum problema, informou o engenheiro do Dnit. (G1/ Bahia)

MATÉRIA RELACIONADA: DNIT emite nota sobre rachadura de Ponte no município de Cachoeira